Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Amado Meu - C. H. Spurgeon

/ On : 09:30/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.


Como és formoso, amado meu.

Cântico dos Cânticos 1.16


Sob qualquer ponto de vista, nosso Senhor é belíssimo. Nós O temos visto, olhando do topo da montanha; Ele brilhou sobre nós como o sol em sua força. Mas também O temos visto, olhando "dos covis dos leões, dos montes dos leopardos" (Cântico dos Cânticos 4.8). Mesmo ali Ele não perdeu nenhuma de suas amabilidades.


Do leito de enfermidade e das portas da morte, volvemos nossos olhos para a alma de nosso Esposo. Ele nunca deixou de ser "todo-formoso". Muitos de seus santos olharam para Ele da melancolia do cárcere e das chamas vermelhas da fogueira e nunca pronunciaram uma palavra má sobre nosso Senhor; eles morreram exaltando a infinita grandeza de Deus.


Quão nobre e agradável é permanecer sempre com nossos olhos fixos em nosso amável Senhor Jesus! Contemplar o Salvador em todos os seus ofícios e descobrir que Ele é incomparável em todos os seus ofícios é um deleite indescritível. Isto é como se movêssemos o caleidoscópio de seu caráter e encontrássemos novas combinações de graça incomparável.


Na manjedoura e na eternidade, na cruz e no trono, no jardim e no seu reino, entre os ladrões ou entre os querubins, o Senhor Jesus é "totalmente desejável". Examine cuidadosamente cada ato da vida de Jesus e cada retrato de seu caráter. Ele não será achado em falta de qualquer coisa boa.


Enquanto as eras se revolverem, as glórias de Cristo se refletirão com mais e mais esplendor e sua amabilidade encherá o coração de todos os seres celestiais com regozijo extasiado.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails