Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Toda a plenitude da Divindade - C. H. Spurgeon

/ On : 10:09/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.

Nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade... nele, estais aperfeiçoados.
Colossenses 2.9,10



Todos os atributos de Cristo, como Deus e homem, estão à nossa disposição. Toda a plenitude da Divindade, seja o que for que este termo maravilhoso possa incluir, é nossa, a fim de que nos tornemos completos. Ele não pode nos dotar com os atributos da Divindade, mas tem feito tudo que o pode ser feito, pois tem tornado subserviente à nossa salvação, até o seu poder divino. Sua onipotência, onisciência, onipresença, imutabilidade e infalibilidade estão todas combinadas para nossa defesa. Levante, crente, e contemple o Senhor Jesus pondo o jugo da carruagem da salvação sobre toda a sua divindade!

Quão ampla é sua graça, quão permanente é a sua fidelidade, quão imutável e infinito é o seu poder, quão ilimitado é o seu conhecimento! Sem encurtar a infinidade destas virtudes, todas elas constituem os pilares do templo da salvação por meio do Senhor Jesus, e, por aliança, todas nos são asseguradas como herança. Cada gota do amor insondável do coração do Salvador é nossa; cada tendão no braço de poder; cada jóia na coroa de majestade, a imensidão do conhecimento divino e a severidade da justiça divina são todas nossas e serão usadas para nós.

Deus nos proporciona o tudo de Cristo, em seu adorável caráter como Filho de Deus, para que o gozemos. A sabedoria de Cristo é nossa orientação; o seu poder, a nossa proteção; sua justiça, nossa segurança; seu amor, nossa consolação; sua misericórdia, nosso conforto e sua imutabilidade, nossa confiança.

Nada Ele deixa de nos oferecer. Em vez disso, o Senhor Jesus abre os recessos da montanha de Deus e nos ordena a cavar as minas, a fim de acharmos os tesouros escondidos. Ele nos diz: "Tudo é de vocês. Encham-se e satisfaçam-se da bondade de Deus". Oh! quão agradável é contemplar o Senhor Jesus e invocá-Lo com a firme certeza de que, ao buscar o seu amor ou o seu poder, estamos pedindo apenas aquilo que Ele fielmente já nos prometeu!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails