Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

A nós pertence o corar de vergonha - C. H. Spurgeon

/ On : 10:00/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.


Ó SENHOR, a nós pertence o corar de vergonha... porque temos pecado contra ti.

Daniel 9.8


Um profundo senso do pecado, da sua infelicidade e da punição que ele merece deve fazer com que nos prostremos diante do trono de Deus. Temos pecado como crentes. Embora tenhamos sido abundantemente abençoados, temos sido ingratos.


Privilegiados ao máximo, não temos produzido frutos proporcionais ao benefício recebido. Do que o crente não se envergonhará, quando considerar o seu passado? Os nossos dias passados, quando não éramos salvos, têm de ser perdoados e esquecidos. No entanto, desde o dia de nossa conversão, temos pecado contra a luz e contra o amor — a luz que iluminou nossas mentes e o amor no qual nos regozijamos.


O pecado cometido por um pecador não-perdoado possui consequências leves, se comparado com um pecado de um dos próprios eleitos de Deus que tem desfrutado de comunhão com Cristo. Pense em Davi! Muitos falarão a respeito do pecado de Davi, mas considere o seu arrependimento!


Ouça os ossos feridos de Davi, quando cada um deles profere os gemidos de sua dolorosa confissão! Veja as lágrimas de Davi, quando elas caem no chão, e escute os profundos suspiros que acompanham a música branda de sua harpa! Nós temos pecado; busquemos, pois, o espírito de arrependimento. Pensemos no apóstolo Pedro. Falamos sobre o seu pecado de negar a Cristo.


Lembremo-nos de que ele chorou amargamente (Lucas 22.62). Não temos qualquer negação de nosso Senhor da qual temos de nos lamentar com lágrimas? Os nossos pecados, antes e depois de nossa conversão, poderiam nos mandar para o lugar de fogo inextinguível, se não fosse por causa da soberana misericórdia de Deus. Prostre-se com um senso de pecaminosidade e adore a Deus. Admire a graça que o salvou, a misericórdia que o poupou e o amor que o perdoou!

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails