Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Por que isto está acontecendo comigo? - C. H. Spurgeon

/ On : 10:16/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.


"Todos os filhos de Israel murmuraram."
Números 14.2


Há murmuradores entre os cristãos agora, como houve no antigo acampamento de Israel. Há aqueles que, quando a vara cai sobre eles, reclamam contra a situação aflitiva. Perguntam: "Por que estou sendo assim afligido?


O que fiz para ser castigado desta maneira?" Uma palavra para você, ó murmurador! Por que murmura contra as dispensações de teu Pai celestial? Pode Ele tratá-lo mais duramente do que merece? Considere o rebelde que você já foi, e, no entanto, Ele o perdoou! Certamente, se Ele, em sua sabedoria, considera apropriado este sofrimento agora, você não deve queixar-se. Afinal de contas, foi você poderia estar sofrendo tão asperamente quanto seus pecados merecem?


Considere a corrupção que há em seu peito, e então se surpreenderá de que haja necessidade de mais reprimenda por vir à luz? Avalie-se e reconheça quanta escória está misturada com seu ouro; imagina o fogo mais forte necessário para purgar a escória que carrega? Esse seu orgulhoso espírito rebelde não prova que o seu coração não está completamente santificado?


Essas palavras queixosas não são contrárias à natureza submissa dos filhos de Deus? Não é necessária a correção? Mas, se murmurar contra o castigo, esteja atento, pois ele será mais drástico para os murmuradores. Deus sempre castiga seus filhos duas vezes, se não suportarem pacientemente a primeira vergastada. Mas saiba uma coisa: "Ele não aflige com disposição, nem magoa os filhos dos homens." Todas as suas correções são enviadas em amor, para purificá-lo e atraí-lo para mais perto dele.


Certamente, isto deve ajudá-lo a suportar o castigo com resignação, se é capaz de reconhecer a mão de seu Pai. Pois "o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe. É para disciplina que perseverais (Deus vos trata como a filhos]" (Hebreus 12.5-7). "Nem murmureis, como alguns deles murmuraram e foram destruídos pelo exterminador" (1 Coríntios 10.10).

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails