Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Não se aventure na Escuridão! – C. H. Spurgeon

/ On : 15:29/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.



Tua palavra é lâmpada para meus pé, e luz para meu caminho.

Salmos 119.105


Tua palavra é lâmpada para meus pés. Somos andarilhos pela cidade deste mundo, e amiúde somos chamados a sair de sua escuridão; que jamais nos aventuremos ali sem a Palavra geradora de luz, para que não escorreguem nossos pés.


Cada um de nós deve usar a Palavra de Deus pessoal, prática e habitualmente, para que visualizemos seu caminho e percebamos o que ele contém. Quando as trevas descem e me cercam, a Palavra do Senhor, como uma chama, uma tocha, ilumina meu caminho. Não havendo lâmpadas fixas nas cidades orientais, nos tempos antigos, cada um levava consigo uma tocha para que não caísse num esgoto aberto, ou tropeçasse nos montes de estéreo que infestavam a estrada.


Este é um quadro genuíno de nossa vereda por este mundo escuro; não conheceríamos o caminho, nem saberíamos andar nele, se a Escritura, como um luminoso refletor, não o iluminasse. Um dos benefícios mais práticos da Santa Escritura é sua diretriz nos atos do cotidiano: não para estarrecer-nos com sua radiância, mas para guiar-nos por sua instrução. É verdade que a cabeça necessita de iluminação; os pés, porém, necessitam ainda mais de direção, senão cabeça e pés, ambos, poderiam cair numa vala. Feliz a pessoa que se apropria pessoalmente da Palavra de Deus e a usa de maneira prática como seu consolador e conselheiro — uma lâmpada para seus pés.


E luz para meu caminho. É uma lâmpada durante a noite, uma luz durante o dia e um deleite em todos os momentos. Davi guiou seus próprios passos pela instrumentalidade dela, e também, através de seus raios, viu as dificuldades de sua jornada. Aquele que anda nas trevas está certo da possibilidade de um momento para outro tropeçar. Enquanto que, aquele que anda em plena luz do dia, ou que leva sua lâmpada no meio da noite, não tropeça, porém mantém sua retidão. A ignorância é dolorosa em questões práticas; gera indecisão e perplexidade, e isso traz desconforto. A Palavra de Deus, comunicando conhecimento celestial, conduz à decisão, e quando isso é seguido de determinada resolução, como neste caso, ela traz consigo profundo repouso para o coração.


Este versículo dialoga com Deus em termos adorativos e em tons familiares. Temos, porventura, algo de teor semelhante com que falar com nosso Pai celestial?

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails