Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Quando a Tempestade vem | C. H. Spurgeon

/ On : 10:00/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.


Tu me tens sido refúgio e torre forte contra o inimigo.

Salmos 61.3


Nós sabemos quem é este Refúgio. Quem poderia ser, além do segundo Adão, o Senhor dos céus, o Homem de Dores, o Filho do Homem? Que precioso lugar de refúgio Ele tem sido para o seu povo! Ele mesmo suporta toda a força do vento e, assim, protege aqueles que se escondem nEle. Deste modo, temos escapado da ira de Deus e escaparemos da ira dos homens, das inquietações desta vida e do terror da morte. Por que permanecemos ao vento, quando podemos, com segurança, fugir dele imediatamente por escondermo-nos no Senhor? Hoje corramos para Ele e fiquemos em paz.


Freqüentemente surgem os ventos habituais da provação, em sua força, e tornam-se uma tempestade, varrendo tudo à sua frente. Coisas que pareciam firmes e inabaláveis tremem com a rajada do vento; e muitas são as quedas de nossa confiança carnal. Nosso Senhor Jesus, o homem glorioso, é um refúgio que nunca pode ser derrubado. Em Cristo, nós mesmos podemos contemplar a tempestade varrendo tudo e descansar em deleitável serenidade.


Neste dia, refugiemo-nos em nosso esconderijo, as- sentemo-nos e cantemos sob a proteção de nosso Refúgio. Bendito Jesus! Bendito Jesus! Como Te amamos! E o fazemos com certeza, pois Tu és um refúgio contra a tempestade.

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails