Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Me arrependi o suficiente? | C. H. Spurgeon

/ On : 10:02/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.

“Me arrependi o suficiente?” – Esta é a pergunta errada! Esse é um erro que muitas pessoas cometem quando estão pensando sobre a salvação... a ideia de que não se arrependeram  o suficiente. Elas imaginam que se tivessem se arrependido até um certo grau estabelecido como mínimo, então eles seriam salvos.


“Oh, senhor!” alguns de vocês vão dizer: “Eu não tenho arrependimento o suficiente.” Amado, deixe-me dizer-lhe que não há qualquer grau eminente de “arrependimento” que é necessário para a salvação. Você sabe que há graus de fé, mais que a menor fé verdadeira salva, por isso, existem graus de arrependimento, mas o menor arrependimento salvará a alma, se for verdadeiro, se for sincero, se for como a Bíblia descreve o verdadeiro arrependimento.


A Bíblia diz: “Aquele que crê será salvo”, e quando ela diz isso, inclui o menor grau de fé. Assim, quando se diz: “Arrependei-vos e sejam salvos”, isto inclui o homem que tem o menor grau de arrependimento bíblico real.


O arrependimento, além disso, nunca é perfeito em qualquer homem neste estado mortal. Nós nunca obtemos fé perfeita, de modo que seja perfeitamente livre do ataque de dúvida muitas vezes, e nunca chegamos ao arrependimento que é perfeitamente livre de alguma dureza no coração. Por isso a cada dia esta é uma obra que está sendo aprofundada pelo poder do Espírito. O penitente mais sincero que você conhece, vai sempre se sentir parcialmente impenitente. Arrependimento é um ato contínuo ao longo da vida. Ele vais crescer continuamente. Eu acredito que um cristão verdadeiro em seu leito de morte vai se arrepender amargamente mais do que fez antes. É uma coisa a ser feita ao longo de toda a vida. Pecando e quando pecando se arrependendo... Arrepender-se e crer em Jesus, arrepender-se e crer em Jesus... é o caminho para a consumação da felicidade. Quanto mais santificados, mais somos sensíveis a pecados que não éramos antes.



Você não deve esperar ser perfeito em “arrependimento” antes de ser salvo no sentido final – Glorificado – Nenhum cristão pode ser perfeito aqui. “Arrependimento” é uma graça. Algumas pessoas pregam como condição de salvação... o perfeito arrependimento... Condição de absurdo! Não há condições para a salvação. Todos os que são salvos se arrependem sem exceção, mais não são salvos por isso. Deus dá a salvação segundo o seu beneplácito em meio a homens que sem exceção merecem a perdição eterna. Ele só dá a quem Ele quer. Ele diz: “Terei misericórdia de quem eu tiver misericórdia” – Se, então, Deus lhe deu o “mínimo” arrependimento, se este for sincero, se este for não como o homem o define, mas como Deus o define em Sua Palavra... quero me alegrar contigo por isso, e sei que este arrependimento crescerá mais e mais a medida que você avança pelo poder do Espírito que te santifica. Então esta observação deve ser aplicada a todos os cristãos. Homens e mulheres cristãos que sentem que seu arrependimento não é profundo o suficiente. Você sente que não tem uma fé grande o suficiente? O que você fará então? Peça um aumenta de fé e ela crescerá. Assim é com o arrependimento.

“Me arrependi o suficiente?” – Esta é a pergunta errada! A pergunta é: "Me arrependi verdadeiramente?"

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails