Home | C. H. Spurgeon | Log out

Venha para o Metropolitan Tabernacle

SpurgeonTv

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Nas margens de um rio profundo! | C. H. Spurgeon

/ On : 08:57/ SOLA SCRIPTURA - Se você crê somente naquilo que gosta no evangelho e rejeita o que não gosta, não é no Evangelho que você crê,mas, sim, em si mesmo - AGOSTINHO.

Seja totalmente feliz de coração, ó crente , mas tome cuidado para que vossa alegria tenha sua nascente apenas no Senhor. Você tem muitos motivos de alegria em seu Deus, para que você possa cantar com Davi, “Deus é a minha grande alegria!”


Seja feliz porque o Senhor reina, porque o Senhor é rei! Se alegre porque Ele está sentado no trono e governa todas as coisas!


Cada atributo de Deus deve tornar-se um novo raio de luz do sol da nossa alegria.


O fato dEle ser infinitamente sábio, deve fazer-nos felizes, sabendo como nós sabemos, da nossa própria insensatez.


Que Ele seja todo-poderoso, deve levar-nos a alegria imensa, já que trememos diante da nossa própria fraqueza.


Que Ele seja eterno, deve ser sempre um tema de nossa alegria, quando sabemos que murchamos a cada dia como uma flor.


Que Ele seja imutável, deve perpetuamente nos dar uma canção de júbilo, uma vez que mudamos a cada hora e tudo mudo a nossa volta.


Que Ele seja cheio de graça, que Ele esteja transbordando em glória, que ele seja nosso para nos purificar, nosso para nos manter,  nosso para nos santificar,  nosso para nos aperfeiçoar, nosso para nos levar a glória..., tudo isso deve nos fazer completamente satisfeitos e felizes nEle.


Esta alegria em Deus é como um rio profundo que só temos tacado a sua margem. Sabemos apenas um pouco de sua clara, doce e celestiais correntes – devemos avançar para profundidades maiores , e a corrente mais impetuoso nos encherá de Sua alegria sem fim.


O cristão sente que ele pode deliciar-se , não só no que é Deus, mas também em tudo o que Deus tem feito. Os Salmos nos mostram que o povo de Deus em tempos antigos estavam acostumados a pensar muito nas últimas misericórdias de Deus - e tinham uma música sobre cada uma delas. Então deixe o povo de Deus agora cantar as obras do Senhor! Deixe-os cantar seus atos poderosos -  “Cantai ao Senhor, porque triunfou gloriosamente!”


Jamais deixe de cantar, para que novas misericórdias fluam para e sobre nós a cada dia, cada manhã - assim que sua alegria seja completa nos atos de amor do Senhor, na providência em ação de graças contínua. Que o mundo veja que sem dúvida toda nossa alegria e deleite tem nEle sua origem.


“Ó povo de Sião, alegre-se e regozije-se no Senhor, no seu Deus!” - Joel 2:23

“Alegrai-vos sempre no Senhor, vou dizer outra vez: Alegrai-vos!” -  Filipenses 4:4


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails